[Resenha] Micro - Michael Crichton e Richard Preston

21 de jun de 2013
Micro - Michael Crichton e Richard Preston
Editora: Rocco
ISBN: 9788532528063
Ano: 2013
Páginas: 416
Classificação: 
Página do livro no Skoob

Micro revela um universo pequeno demais para ser visto, mas perigoso demais para ser ignorado. A trama começa no sofisticado e selvagem mundo das grandes corporações. Em um escritório trancado nos arredores de Honolulu, no Havaí, três corpos são encontrados, sem quaisquer sinais de luta a não ser cortes ultrafinos no corpo. A cena do crime não tem instrumentos ou armas capazes de produzir tão estranhos ferimentos, nem sinais de invasão ou arrombamento.
Enquanto isto, em Cambridge, sete promissores estudantes são convidados por Eric Jansen, irmão de um dos alunos, e pelos altos executivos da Nanigen MicroTechnologies, INC a se juntarem à pioneira empresa. Com a promessa de conhecer a tecnologia de ponta que será responsável por abrir um novo horizonte e mudar a ciência da forma como conhecemos, os jovens são levados para uma experiência na floresta tropical de Oahu.
Resenha:
Michael Crichton é autor de Parque dos Dinossauros, quando li isso meu interesse em ler Micro despertou. Como não? Para minha infelicidade sua escrita não me empolgou, talvez pelo gênero ficção científica ser tão técnico e cheio de explicações detalhadas. Como por exemplo, como uma aranha de tal espécia produz tal veneno. Certo, isso pode ser algo extremamente interessante mas ler páginas e páginas sobre processos desse tipo, passo a passo, se torna cansativo. Crichton faleceu antes de terminar o livro e Richard Preston ficou responsável pelo desfecho de Micro, o que fez toda a diferença, a leitura ficou mais leve e menos ligada a tanta falação química.

A Nanigen MicroTechologies é uma empresa de alta tecnologia que realiza um trabalho avançado de robótica produzindo robôs extremamente pequenos. Mas existem dúvidas em relação a essa tecnologia. Logo no início três homens são mortos em uma sede da empresa localizada em um galpão poeirento no meio do nada, após uma pesquisa, suspeitas de que a Nanigen seja só uma fachada para sonegação de impostos ficam mais fortes. O curioso, é que os homens foram encontrados com cortes minúsculos e profundos pelo corpo, o que teria causado as mortes? Pessoas desaparecidas ligadas a empresa serão constantes durante a leitura...

Vamos ao que interessa, a Nanigen está selecionando pesquisadores para um trabalho de pesquisa do mundo natural em nível micro ou nano no Havaí, com promessas de laboratórios que oferecem as melhores condições de pesquisa da história da ciência. Um dos pontos mais legais da estória  é ela se passar no Havaí, me passou um clima bem Crichton. Durante o enredo vamos acompanhar sete pesquisadores que aceitaram o trabalho e acabaram se envolvendo em um enorme micro problema. Vin Drake, presidente da Nanigen é ambicioso e vai fazer uso da tecnologia que tem em mãos para lucrar ainda mais. Inicialmente, os pesquisadores teriam seus tamanhos reduzidos para estudarem cada espécie de ser vivo desconhecida pela ciência, coletando amostras de um quadrante do ecossistema havaiano, uma mina de ouro possível de novos medicamentos que poderiam salvar vidas. Porém seus planos saem do controle e ele acaba jogando os pesquisadores na floresta, no micro mundo biologicamente perigoso. É meio absurdo, algo de filme da sessão da tarde mesmo, mas acreditem em momento algum é bobo, é fantástico. Eles enfrentarão aranhas, gafanhotos, ácaros, vespas, tentarão sobreviver lutando contra os animais e seus venenos altamente perigosos, e claro, Vin Drake não sossegará até ter certeza que matara todos.

Rick é pesquisador de remédios indígenas, um dos poucos personagens que não me entediaram. Karen é especialista em aranhas e artes marciais, é a durona do grupo. Peter sabe tudo sobre venenos e é irmão do vice-presidente da Nanigen, Eric, que é morto, dando o pontapé inicial nos mistérios da trama. Erika é especialista em besouros, Amar em hormônios das plantas, Jenny em ferormônios e Danny é o insuportável da estória, o doutorando mal caráter. Simpatizando com uns, odiando outros, até o último capítulo eu não ousei arriscar como tudo acabaria. Será que ninguém teria um final feliz? O livro é dividido em três partes, os capítulos finais foram eletrizantes, adorei e recomendo, só é preciso ter paciência se você não curte ficção científica. 

30 comentários:

  1. E aí, parça! =)

    Eu, como fã incondicional de sci-fi, amo o estilo detalhista da narrativa, essa coisa de explicar a ciência do livro - claro, muitas vezes não entendo nada hahaha - e, como você, fiquei empolgado com o livro quando soube se tratar do mesmo autor de Jurassic Park \o

    Só me incomodou a ideia de um outro autor terminar a obra. Se for como você disse - a leitura ficou mais leve - será que corre o risto do livro ter perdido a 'personalidade' inicial? Não deixa a leitura ruim?
    Ainda assim, quero muuito ler esse livro, esses dias vi ele na livraria, ainda mais lindão pessoalmente \o uahsuahs

    Abração!

    Pedro Almada
    http://inspirados-oandarilhodotempo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Super gostei. Ótima dica de livro, espero muito poder le-lo, curto muito ficção cientifica, mas até agora não li em livros, somente assisti a varios filmes, mas adorei os filmes e creio que os livros não serão diferentes. O besouro da capa me lembrou Apocalipse Z rs, mas é porque o nome do autor na capa tem 2 besouros, mas não tem nada haver mesmo, só lembrei rs. Gostei da capa e foi bem diferente, o titulo do livro bem minusculo, tendo relaçao com o nome MICRO, adorei! ótima ideia, gostei bastante da historia tambem! Gostei de envolver isso de pesquisas, crimes... Espero ler!

    ResponderExcluir
  3. Esse livro me fez lembrar um pouco Matrix. Parece-me ser bem interessante e eu gostei muito do que li. Claro que vou querer ler.

    ResponderExcluir
  4. Nunca li nada de ficção científica (se é que você pode considerar A Hospedeira ficção científica) então não sei o que posso esperar do livro. A partir a sua resenha interessei-me um pouco. Parece ser algo louca, mas, pensando bem, é possível. Sei lá.
    Xxxx

    ResponderExcluir
  5. Como disseram logo acima, lembra muito matrix, mas também lembra um pouco CSI, gostaria de ler essa ficção científica, me interesso bastante por isso! Mas nunca li e não sei se conseguiria ler sem abandoná-lo :C

    ResponderExcluir
  6. Que pena que você se cansou com páginas e páginas sobre o veneno, eu realmente iria ficar suuperrr interessada e não irei deixar de falar que quando você flw sobre dinossauros, claro que aumenta o interesse de todo ser humano aventureiro. *-*
    Eu realmente iria adorar ter a oportunidade de ler esse livro :D

    sonholiterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Parece interessante, fiquei curiosa sobre o veneno e coisas do tipo kkkkk

    ResponderExcluir
  8. Quando o texto tem uma linguagem mais técnica e explicativa sobre as coisas que fazem parte da historia fica meio complicado, pra mim, acompanhar. Mas acredito que seja um livro legal.

    ResponderExcluir
  9. Eu até gosto de ficção científica, mas como você disse que tem partes do livro em que detalham demais alguns processos científicos, não sei se conseguiria ler o livro facilmente.

    ResponderExcluir
  10. Eu vi este livro outro dia, adorei o tom da capa, mas não parei para saber sobre o livro. Essa é a primeira resenha que leio.
    Ficção cientifica bem escrita é tudo de bom. E esse negócio de detalhar demais, é muito comum em livros deste estilo. Gosto de ler livros assim, mas no seu momento certo. Tem que estar com a cabeça boa, pra não ficar entediado.

    Gostei muito do tema, da premissa e da resenha!!

    Bjkas

    ResponderExcluir
  11. Gostei da sinopse, porque sou fã de livros do gênero policial, investigação e tal, o que me pareceu ser o caso desse, mas a resenha já me desanimou. Detesto ficção científica, também não gosto de explicações detalhadas sobres coisas que pra mim são desinteressantes, então acho difícil que eu vá gostar muito do livro, mas quero ler a história e formar minha própria opinião. Acho bem difícil que eu goste, a história descrita na resenha é bem do tipo que eu costumo abandonar, mas acho que não custa tentar, né? ;D

    ResponderExcluir
  12. Amei, Amei, Amei :D q perfeito \o

    ResponderExcluir
  13. Interessante, não faz meu estilo de livro... mas deu vontade de ler haha <3

    ResponderExcluir
  14. Mesmo que a leitura se arraste devido aos detalhes, eu gostei do enredo da historia e se voce disse que os capítulos finais são eletrizantes e valem a pena, então meu arrisco a ler o livro todo,rsrs! Parabéns pela resenha, fiquei curiosa pelo livro!

    ResponderExcluir
  15. O único livro que lí supostamente de ficção científica foi a hospedeira, que pende mais pro romance misturado com um toque de ficção científica, no entanto sempre tive muita vontade de ler livros de ficção cientifica. O livro me pareceu muito interessante, principalmente por retratar essas coisas sobre animais, seus venenos e afins, e envolver um suspense por traz da história que é o que me pareceu. Fora que adoro finais eletrizantes, que pelo que você disse em sua resenha, esse livro possui. já entrou na lista dos meus desejados (:

    ResponderExcluir
  16. Ah esqueci de acrescentar o fator da capa, que foi algo que achei muito bacana e interessante.

    ResponderExcluir
  17. Parece interessante, porém técnico demais pro meu gosto. Mas é aquilo, só lendo pra tirar uma opinião concreta.
    Nunca li nada do tipo, talvez esteja na hora pra ver se curto ou não. rs

    ResponderExcluir
  18. gostei vou vê se acho para compra

    ResponderExcluir
  19. Eu curto muito ficção científica, mas nunca li muito com esta temática, o máximo foram os livrinhos do ARQUIVO X. Só não gostei da capa e não é por causa do inseto e sim pr causa do vermelho...

    ResponderExcluir
  20. A capa não é algo atrativo para mim, mas eu gostei da resenha, e pelo fato de o livro ser eletrizante.
    Pretendo conferir.

    ResponderExcluir
  21. Amo ficção cientifica, e este livro parece muito interessante. É bom ler algo bem diferente. Super interessada e ótima resenha.

    ResponderExcluir
  22. Gostei da capa, a resenha também da muito legal mas não acredito que faça meu gênero... Não sou fã de ficção cientifica, nem mesmo em filmes...

    ResponderExcluir
  23. Adoro miudisses! muito boa resenha, vou curtir muito ganhar um desse, hein!

    ResponderExcluir
  24. Parece incrível! Adoro ficção científica *-*

    ResponderExcluir
  25. Estou precisando sair da linha dos romances e esse livro parece ser muito bom, gostei muito da resenha, vou procurar na próxima vez que for a uma livraria com certeza! Adoro sci-fi, e muito tempo que não leio nada do tipo!


    Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  26. Eu fiquei super animada com esse livro mas depois da sua resenha não tenho certeza de que vou gostar, acho que essa parte muito técnica não vai me agradar.

    ResponderExcluir
  27. A capa não chamou muito minha atenção, mas a resenha sim!
    Adoro esse tipo de livro cheio de suspense e aventura! #queroler

    ResponderExcluir
  28. Que livro diferente esse. Pela capa nem dá vontade de ver mais, mas com a resenha deu pra ter uma boa ideia. Até que é legal. Gosto desse genero e ficou uma boa dica agora.

    ResponderExcluir
  29. Uma personagem que é especialista em aranhas e em artes marciais??? Quero muito ler esse livro! rsrs

    ResponderExcluir

Não esqueça de dar sua opinião nesse espaço.Seu comentário é muito importante.
O QUE ACHOU DESSE POST?

TERROR

Jantar Secreto - Raphael Montes
Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de...
Jogos Macabros - R. L. Stine
Conhecido mundialmente por seus livros de terror e suspense, com centenas de milhões de exemplares vendidos, R. L. Stine desponta no cenário da ficção juvenil pela genialidade na criação de enredos sinistros...
Psicose - Robert Bloch
O clássico de Robert Bloch, foi publicado originalmente em 1959, livremente inspirado no caso do assassino de Wisconsin, Ed Gein. O livro teve dois lançamentos no Brasil, em 1959 e 1964...
Nosferatu - Joe Hill
Victoria McQueen tem um misterioso dom: por meio de uma ponte no bosque perto de sua casa, ela consegue chegar de bicicleta a qualquer lugar no mundo e encontrar coisas perdidas. Vic mantém segredo sobre essa...
O Vale dos Mortos - Rodrigo De Oliveira
Com passagens por Brasília, Estados Unidos, China e França, O Vale dos Mortos baseia-se na profecia de que um planeta intruso ao sistema solar, ao raspar por nossa...

FANTASIA/ POLICIAL

LEIA MAIS

ESPECIAIS ♥

Juntando os Pedaços - Jennifer Niven
Jack tem prosopagnosia, uma doença que o impede de reconhecer o rosto das pessoas. Quando ele olha para alguém, vê os olhos, o nariz, a boca… mas não consegue juntar...
O Livro de Memórias - Lara Avery
Sammie sempre teve um plano: se formar no ensino médio como a melhor aluna da classe e sair da cidade pequena onde mora o mais rápido possível.E nada vai ficar em seu caminho — nem mesmo uma rara doença...
Simon vs. a agenda Homo Sapiens - Becky Albertalli
Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da...
Quando finalmente voltará a ser como nunca foi - Joachim Meyerhoff
Isso é normal? Crescer entre centenas de pessoas com deficiência física e mental, como o filho mais novo do diretor de um hospital...
Eu Te Darei o Sol - Jandy Nelson
Noah e Jude competem pela afeição dos pais, pela atenção do garoto que acabou de se mudar para o bairro e por uma vaga na melhor escola de arte da Califórnia...

POLICIAL

LEIA MAIS