[Resenha] O livro do amanhã - Cecelia Ahern

22 de ago de 2013
O livro do amanhã - Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581630342
Ano: 2013
Páginas: 368
Classificação: 
Página do livro no Skoob

Nascida no luxo, Tamara Goodwin, de 16 anos, nunca precisou olhar para o amanhã, até que a morte abrupta de seu pai deixa a ela e a sua mãe uma montanha de dívidas e as obriga a se mudarem para a casa dos tios de Tamara, em um vilarejo no interior. Solitária e entediada, a única diversão de Tamara é uma biblioteca itinerante. E ali, ela encontra um livro muito misterioso. Tamara vê inscrições com sua própria letra e datadas para o dia seguinte. Quando tudo acontece exatamente como o livro previa, ela percebe que pode ter encontrado a solução para seus problemas. No entanto, Tamara descobre que é melhor não virar algumas páginas e que, apesar de muito tentar, não pode mudar o destino.

Resenha: 
Adoro a escrita da Cecelia Ahern e minhas impressões com outros livros lidos da mesma foram ótimas. Lamento informar que O livro do amanhã foi um pouco decepcionante. Talvez pela expectativa gerada ou essa apenas não seja a melhor estória contada pela autora, pelo menos para mim.

Apesar de ser extremamente fútil e acostumada a todos os luxos que nascer em um berço de ouro possa proporcionar, a nossa protagonista é simpática. Mimada, claro, mas no decorrer do enredo ela terá chances de se redimir. Não me encantei mas também não cultivei o ódio pela moça, Tamara Goodwin é uma adolescente que perdeu o pai e toda a sua fortuna. Para meu alívio, a perda do pai teve mais impacto na jovem que a perda do dinheiro, isso contribuiu bastante na minha aceitação.Não podemos culpa-la pela riqueza que possui mas podemos esperar que ela seja alguém melhor. George se suicidou deixando sua família em uma montanha de dívidas, onde mãe e filha perderam a casa e acabaram indo morar  em um vilarejo afastado no interior. Tamara vai passar o verão com Arthur e sua esposa Rosaleen, enquanto sua mãe tenta enfrentar a dor de perder tudo.

Absorvam um pouco da atmosfera do enredo: Arthur não é muito comunicativo, em todo o livro podemos contar com alguns diálogos dele a cada 100 páginas. Em determinado ponto isso vai se tornar revoltante, como alguém pode ser tão passivo e cego diante tantas coisas ao redor? Jennifer, passa seus dias na cama, dormindo e murmurando canções para si mesma. Estaria ela ficando louca? Sofrendo de depressão?  Ou seria apenas o luto? Rosaleen é o grande mistério da estória, ela é extremamente desconfiada e não permite médicos para examinarem Jennifer, apenas seus cuidados são o suficiente e cozinhar toneladas de comida por dia é um prazer para ela. Suas atitudes são suspeitas. Algum segredo? Se preparem para odia-la. Tamara logo percebe esses indícios estranhos e começa a procurar pistas que revelem algo. Infelizmente, vamos acompanhar esse desenrolar de dúvidas e  comportamentos suspeitos até quase metade do livro, onde Tamara finalmente encontra um livro misterioso, fechado a cadeado. Quando aberto, ele se revela um diário, onde inscrições datadas do dia seguinte mostram o que irá acontecer escritas pela própria Tamara. Impossível?

Senti falta do humor característico da autora, que tanto gosto. Criei expectativas em relação ao modo como esse livro do futuro seria utilizado mas o foco acabou sendo os relacionamentos familiares e apesar do desfecho ser incrivelmente surpreendente não supriu tudo que estava esperando. A partir do diário, Tamara poderá mudar sua forma de agir na manhã seguinte. Mudando algumas atitudes e mantendo outras, ela tentará descobrir o que está acontecendo naquela casa. Apesar dos apesares é uma leitura difícil de largar, tem seus momentos chatos sim, mas como um todo a curiosidade move as páginas automaticamente. Os personagens que vão surgindo na vida solitária de Tamara dão vida a estória e o clima de suspense é predominante, me surpreendeu pois foge totalmente de outros livros da autora, isso foi bom, é um clima bem tenso. Quando alguns segredos vão a tona, muitos outros vão surgir até a última página.

11 comentários:

  1. Apesar de vc só da 3 estrelinhas, sua resenha me deu mais vontade de ler o livro *-* .
    Estarei lendo essa belezura em breve :*

    sonholiterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Eu estava animada com esse livro...sei lá
    adorei a idéia de se poder prever o futuro
    sei q não gostou tanto mas acho q vou ler

    ResponderExcluir


  3. Oie Felipe!!
    É a primeira resenha que leio do livro. Tenho muita vontade de ler este livro, espero poder ler logo.Gosto deste tema do livro e estou interessada em saber o final Outro detalhe amo está capa!!


    Beijos*

    ResponderExcluir
  4. Felipe, to começando a me identificar cada vez mais com seu gosto literário!! Já vi você criticando vários livros que o pessoal fica venerando nesses blogs da vida e eu fico com muita raiva disso, porque normalmente são livos fofos, mas nada demais. Esse livro é um exemplo disso e outro que vi vocÊ criticando foi Simplesmente Ana (deixei de comprar ele por sua causa). Admiro muito isso, menos euforia e mais sensatez na hora de resenhar o livros, vou começar a ouvir mais suas recomendações!
    Beijão!

    www.centraldaleiturablog.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anw, haha <3 Obrigado. É questão de gosto mesmo, Vanessa, mas a galera exagera e muuuuuito mesmo D:

      Excluir
  5. Já li tantas resenhas desse livro, mas não sei ainda se darei uma chance para ele.

    http://estantetalvez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. O título do livro me chamou muito a atenção, mas você me pegou de surpresa ao falar no início da resenha que o livro não atendeu às suas expectativas :(
    Nunca tive a oportunidade de ler um livro da Cecelia Ahern, mas os seus elogios a ela me deixaram empolgada e darei um jeito de ler algum livro da autora :)

    ResponderExcluir
  7. Eu tenho ouvido falar muito nessa autora e cada vez mais sinto vontade de ler algum livro seu. Esse livro deve passar uma mensagem bem legal, afinal de contas, envolve uma garota riquinha que acaba perdendo tudo, todo seu luxo. Adoro livros assim, que nos passa algo positivo, que nos mostra que dinheiro não é tudo

    ResponderExcluir
  8. Tenho muita vontade de ler os livros da Cecilia Ahern, antes era só a vontade de ler PS. eu te amo, agora veio esse livro. Vi que o livro é contado em primeira pessoa. Já gostei desse fato, pois acho entediante ler em terceira pessoa, principalmente. Gosto saber os pontos da personagem principal. Acho que vou gostar da história!

    ResponderExcluir
  9. Bom não conheço a autora, mas já tinha lido a sinopse do livro, porém não tive vontade de ler. E sua resenha apesar de cativar a pessoa a ler, não me chamou a atenção.. parabéns adoro o modo como escreve.

    ResponderExcluir

Não esqueça de dar sua opinião nesse espaço.Seu comentário é muito importante.
O QUE ACHOU DESSE POST?

TERROR

Jantar Secreto - Raphael Montes
Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de...
Jogos Macabros - R. L. Stine
Conhecido mundialmente por seus livros de terror e suspense, com centenas de milhões de exemplares vendidos, R. L. Stine desponta no cenário da ficção juvenil pela genialidade na criação de enredos sinistros...
Psicose - Robert Bloch
O clássico de Robert Bloch, foi publicado originalmente em 1959, livremente inspirado no caso do assassino de Wisconsin, Ed Gein. O livro teve dois lançamentos no Brasil, em 1959 e 1964...
Nosferatu - Joe Hill
Victoria McQueen tem um misterioso dom: por meio de uma ponte no bosque perto de sua casa, ela consegue chegar de bicicleta a qualquer lugar no mundo e encontrar coisas perdidas. Vic mantém segredo sobre essa...
O Vale dos Mortos - Rodrigo De Oliveira
Com passagens por Brasília, Estados Unidos, China e França, O Vale dos Mortos baseia-se na profecia de que um planeta intruso ao sistema solar, ao raspar por nossa...

FANTASIA/ POLICIAL

LEIA MAIS

ESPECIAIS ♥

Juntando os Pedaços - Jennifer Niven
Jack tem prosopagnosia, uma doença que o impede de reconhecer o rosto das pessoas. Quando ele olha para alguém, vê os olhos, o nariz, a boca… mas não consegue juntar...
O Livro de Memórias - Lara Avery
Sammie sempre teve um plano: se formar no ensino médio como a melhor aluna da classe e sair da cidade pequena onde mora o mais rápido possível.E nada vai ficar em seu caminho — nem mesmo uma rara doença...
Simon vs. a agenda Homo Sapiens - Becky Albertalli
Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da...
Quando finalmente voltará a ser como nunca foi - Joachim Meyerhoff
Isso é normal? Crescer entre centenas de pessoas com deficiência física e mental, como o filho mais novo do diretor de um hospital...
Eu Te Darei o Sol - Jandy Nelson
Noah e Jude competem pela afeição dos pais, pela atenção do garoto que acabou de se mudar para o bairro e por uma vaga na melhor escola de arte da Califórnia...

POLICIAL

LEIA MAIS