AS MELHORES LEITURAS DO ANO: 2015

2 de jan de 2016
Entra ano, sai ano e uma das poucas certezas que tenho é de que essa postagem nunca vai sair em dezembro. Sempre procrastino para os primeiros dias pós-réveillon. É mais forte que eu! Quem conferiu as retrospectivas com as melhores leituras de 2013 e 2014 deve ter percebido algo diferente nessa aqui logo de cara: a quantidade de livros que me surpreenderam. A verdade é que li apenas 27 livros em 2015 e os únicos que tiraram o meu sossego foram essas quatro belezuras que comento abaixo. Foi um ano maravilhoso e corrido com direito a épocas em que me dividia em mil para dar conta de três estágios, faculdade, blog e uma agência de viagens que me aventurei em abrir. É mole? 

Mas sinto que 2016 será um ano de botar muitos planos em prática. E o primeiro, se tudo der certo, é que nas próximas semanas vocês poderão conferir um Oh My Dog estol com Bigods diferente. O projeto de layout novo já está em mãos competentes e não vejo a hora de começar a trabalhar em uma nova casa. Minha mente ferve de tantas ideias legais.

Mas vamos ao que interessa? Quem me acompanha nas redes sociais (sou @felizpem na maioria delas) deve ter visto meus surtos com cada uma dessas histórias. Não vai ser tanta surpresa assim para a maioria. Vamos lá!

 A Rainha Vermelha - Victoria Aveyard 
Não consigo pensar em tudo que essa mulher escreveu sem me lembrar de X-Man. É maravilhoso! Sempre duvidei da capacidade de alguém chegar e criar algo com dezenas de personagens com super poderes e isso não soar confuso, leviano e fraco no final das contas. Victoria não só conseguiu, como açucarou tudo com cenários deslumbrantes e uma personagem épica. A cada página que lia entendia mais e mais os motivos dos direitos de adaptação para os cinemas terem sido vendidos antes mesmo de o livro ser lançado. 

 Eu te darei o Sol - Jandy Nelson 
Noah caça galáxias e estrelas e aos 13 anos se conhece como ninguém. Ele é gay e ler tudo o que ele sente, vive e enfrenta foi como voltar ao passado. É impossível não se ver em todas essas páginas de primeiros amores, sorrisos e decepções. A história é narrada por ele e por sua irmã gêmea. 

É engraçado como histórias infanto-juvenis conseguem surpreender. A trama aborda mortes, perdas, dores, superação, auto-conhecimento. E tudo de um jeito tão sério, impactante e ao mesmo tempo leve, gentil. É um livro de gentilezas. Escrito brilhantemente. Você apanha e agradece a cada lição dada.

 Fúria Vermelha - Pierce Brown 
É o primeiro livro de uma trilogia. Ambientada em Marte, a distopia mais parece uma obra fantástica. E quando digo fantasia estou falando de castelos, guerras entre casas distintas e soldados lutando em cima de cavalos por poder. Por galáxias e naves espaciais. Na trama, uma verdade-secreta condiciona uma parte da população a uma organização social limitada e cega, transformando aqueles que sabem de tudo que realmente acontece em verdadeiros deuses. 

Sabe quando algo não tem limites? Se alguém comentasse comigo a ideia original de Fúria Vermelha eu pensaria: "é, acho que é informação demais. Isso não vai dar certo." MAS AQUI TUDO ORNA, TUDO FLUI, TUDO ACONTECE E PEGA FOGO. Eu devorei as 400 páginas da obra e se pudesse escolher apenas um livro desse Top 4, eu o escolheria. Fim. Ah, vai ter filme com adaptação assinada por Marc Foster.

 Por Lugares Incríveis - Jennifer Niven 
Desses livros que a gente chora sem se dar conta.
Imagine dois personagens que sofrem de depressão e lutam diariamente para encontrar algum sentido em existir. Algo que os motive a viver o amanhã. Esses são Violet e Finch e eu me vi embasbacado com a forma que a história é conduzida. Sem levianismos.

Finch analisa as mais variadas formas de cometer suicídio. Algo assustador para alguém tão divertido. Violet perdeu a irmã e largou sua maior paixao: a escrita. 

É uma história que parte o coração. É sobre as coisas não parecerem suficientes, sobre não ter opções e tê-las por completo. Sobre ter esperança, sentir demais e tudo de bom e ruim que isso pode ser e parecer. Alguém duvida que vai ser um sucesso de bilheteria quando o filme chegar?

Para conferir as resenhas completas de cada um dos livros basta clicar nas capas abaixo:


  MENÇÕES HONROSAS 

  

Desses três, o único que não resenhei foi Holocausto Brasileiro (vai virar documentário do HBO!). Clica na capa para ler a resenha dos outros dois :) 


O que andaram lendo em 2015? Algum desses está na sua lista de melhores do ano também?

0 comentários:

Postar um comentário

Não esqueça de dar sua opinião nesse espaço.Seu comentário é muito importante.
O QUE ACHOU DESSE POST?

TERROR

Jantar Secreto - Raphael Montes
Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de...
Jogos Macabros - R. L. Stine
Conhecido mundialmente por seus livros de terror e suspense, com centenas de milhões de exemplares vendidos, R. L. Stine desponta no cenário da ficção juvenil pela genialidade na criação de enredos sinistros...
Psicose - Robert Bloch
O clássico de Robert Bloch, foi publicado originalmente em 1959, livremente inspirado no caso do assassino de Wisconsin, Ed Gein. O livro teve dois lançamentos no Brasil, em 1959 e 1964...
Nosferatu - Joe Hill
Victoria McQueen tem um misterioso dom: por meio de uma ponte no bosque perto de sua casa, ela consegue chegar de bicicleta a qualquer lugar no mundo e encontrar coisas perdidas. Vic mantém segredo sobre essa...
O Vale dos Mortos - Rodrigo De Oliveira
Com passagens por Brasília, Estados Unidos, China e França, O Vale dos Mortos baseia-se na profecia de que um planeta intruso ao sistema solar, ao raspar por nossa...

FANTASIA/ POLICIAL

LEIA MAIS

ESPECIAIS ♥

Juntando os Pedaços - Jennifer Niven
Jack tem prosopagnosia, uma doença que o impede de reconhecer o rosto das pessoas. Quando ele olha para alguém, vê os olhos, o nariz, a boca… mas não consegue juntar...
O Livro de Memórias - Lara Avery
Sammie sempre teve um plano: se formar no ensino médio como a melhor aluna da classe e sair da cidade pequena onde mora o mais rápido possível.E nada vai ficar em seu caminho — nem mesmo uma rara doença...
Simon vs. a agenda Homo Sapiens - Becky Albertalli
Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da...
Quando finalmente voltará a ser como nunca foi - Joachim Meyerhoff
Isso é normal? Crescer entre centenas de pessoas com deficiência física e mental, como o filho mais novo do diretor de um hospital...
Eu Te Darei o Sol - Jandy Nelson
Noah e Jude competem pela afeição dos pais, pela atenção do garoto que acabou de se mudar para o bairro e por uma vaga na melhor escola de arte da Califórnia...

POLICIAL

LEIA MAIS